Felipe Miranda, Estudante de Direito
  • Estudante de Direito

Felipe Miranda

Cuiabá (MT)
14seguidores23seguindo
Entrar em contato

Sobre mim

Estudante de Direito
Apaixonado por Direito Constitucional e Responsabilidade Civil.

Comentários

(65)

Recomendações

(235)
Lucas Salmazo, Advogado
Lucas Salmazo
Comentário · há 3 anos
Com a devida vênia, me permita discordar.

Essa ideia que tentam nos vender de que a culpa do desemprego e a crise econômica é uma grande falácia! Tal propagação de ideia tem a finalidade apenas de maximizar o lucro dos grandes grupos econômicos (e por favor sem esse papo de que isso é coisa de comunista, a guerra fria acabou em 1989). Se trata de mero oportunismo para disseminar essa ideia, pois, sabemos, uma mentira repetira várias vezes torna-se verdade.

1 - A CLT deve ser atualizada para nosso atual contexto, mas não para suprimir garantias, mas para regular as novas profissões que surgiram ao longo do tempo. Por exemplo os profissionais da área de TI, estes, por exemplo, necessitam regulamentação sobre o home office e diversas outras questões. Aproveitando-se dessa lacuna, muitas empresas forçam seus empregados a constituir PJs, mas na prática trata-se de relação empregatícia, dessa forma, precariza-se o trabalho, por exemplo, tenho um amigo que passou por essa situação que de tanto trabalhar ficou com depressão.

2 - A grande demanda de ações judiciais derivam exclusivamente de violações de direitos, muitas vezes dos direitos mais básicos. Quantas iniciais não vemos em que o reclamante requer hora extra porque a empresa suprimiu seu direito ao descanso e refeição previsto no artigo 71 da CLT. O nobre autor acredito que possui pelo menos 1 hora por dia para almoçar, muitos não tem, tem apenas 15 minutos e não o faz em ambiente adequado.

3 - Nesse sentido, temos que muitas empresas são arbitrárias no trato com seus funcionários, fazendo-os passar por situações vexatórias, assédio moral, desrespeito, agressões verbais e até físicas.

4 - Ademais, muitas micro empresas sofrem com ações trabalhistas porque estão mal assessoradas, muitas demandas poderiam ser evitadas com uma melhor organização.

5 - Argumentar que o número de ações judiciais é deveras grande em nosso país comparando-nos com EUA, Japão, França, Alemanha é, desculpe o vocábulo, piada. A mentalidade de empresários e trabalhadores é bastante diferente, não há comparação.

Concluindo, a Justiça do Trabalho é essencial para prestar a tutela jurisdicional, visto que a CLT, em que pese, os ajustes que devam ser feitos, está em consonância com a nossa tão surrada CRFB, que tem como ponto fundamental preservar a dignidade da pessoa humana.

Perfis que segue

(23)
Carregando

Seguidores

(14)
Carregando

Tópicos de interesse

(15)
Carregando
Novo no Jusbrasil?
Ative gratuitamente seu perfil e junte-se a pessoas que querem entender seus direitos e deveres

ANÚNCIO PATROCINADO

Outros perfis como Felipe

Carregando

Felipe Miranda

Entrar em contato